Ali, no cantinho da mesa
Perdida no espaço
e no tempo
Mora uma certeza
Não se pode vê-la
Não se pode ouvi-la
Quem se aproximar
Devagarinho
Pode até encontrá-la
Mas jamais dela duvidará
A certeza é chata
Imutável
Incoerente
Mas é tão delicadamente
Desobediente!